Planetário de Brasília reaberto

Postado em

Projeto do novo Planetário de Brasília

Luiz Calcagno, do Correio Braziliense

Para muitos brasilienses, o Planetário de Brasília não passa de uma memória distante, de infância. Para outros, mais jovens, nem isso. Apenas uma obra parada de um prédio desconhecido no Eixo Monumental. Uma cúpula escura. Mas o céu vai voltar a se abrir no Planalto Central e estudantes, curiosos e amantes das constelações e da Via-láctea terão um lugar para contemplar estrelas de todo o globo. Com 38 anos de idade e fechado há 17, o Governo do Distrito Federal vai reinaugurar o prédio na primeira semana de junho, após um investimento de R$ 10,5 milhões, sendo R$ 7,4 milhões em infraestrutura e R$ 3,1 milhões em tecnologias. A sala de projeção da casa, o plenário coma cúpula terá capacidade para 108 pessoas por sessão e receberá cerca de 600 por dia.

A expectativa é que a parte física do planetário fique pronta até o fim de março. Em seguida, técnicos instalarão o projetor antigo, de 1974, e outros nove projetores novos de tecnologia alemã, que proporcionarão aos visitantes uma experiência visual próxima da realidade no céu projetado na cúpula.Com o equipamento, o centro de estudos astronômicos se torna referência em tecnologia no Brasil, embora não seja o maior do país. A cúpula exibirá projeções celestes de vários países. Serão quatro sessões diárias durante a semana e duas aos sábados e domingos. O local ainda contará com biblioteca digital e área de alimentação. A Secretaria de Ciência e Tecnologia promete um ambiente acesso facilitado a portadores de necessidades especiais.

Planetario

De acordo com o secretário-adjunto de Ciência, Tecnologia e Inovação, Washington Luiz Sales, além de visualizar as estrelas posicionadas de pontos de vista, por exemplo, de Lisboa, em Portugal, ou de Paris, França, simulações levarão os visitantes à órbita de Saturno ou ao solo de marte, usando como referência, imagens de satélites que percorreram o trajeto interplanetário. “Teremos seis estudiosos, diariamente, para atender os visitantes. Teremos sessões para escolas infantis ou de ensino médio e, nos fins de semana, receberemos toda a população. A linguagem e os trabalhos serão adequados a cada tipo de público. Nossa expectativa de formar um polo de desenvolvimento científico da ciência astronômica de Brasília e levar esse conhecimento ao público”, explicou.

Professor de astronomia do Instituto de Física da Universidade de Brasília (UnB), José Leonardo Ferreira comemorou a notícia. Segundo ele, com a reabertura do planetário, a comunidade escolar de Brasília terá acesso a novos conhecimentos. “Uma geração perdeu a possibilidade de ser exposta a esses conhecimentos. A astronomia ajuda não só a física, mas também a história, a filosofia e o meio ambiente. E o planetário faz uma divulgação científica desses temas. É todo um universo que a população quer, merece e precisa conhecer. Além disso, complementam o estudo, incentivam professores e abrem as portas da física para os mais novos”, comentou.

Memória

A história do Planetário de Brasília é repleta de indas e vindas. Projetado pelo arquiteto Sérgio Bernardes, o local passou metade de seus 39 anos de existência fechado. Confira, na linha do tempo, o que aconteceu com o centro científico desde sua inauguração:

1974 – O planetário é inaugurado em 15 de março, mas fecha um mês depois.

1975 – O centro científico é reaberto em agosto. O prédio recebe visitantes por um breve período, até ser fechado novamente em 1979.

1980 – O planetário volta a receber o público em outubro. Passa cinco anos aberto e é fechado novamente devido a problemas técnicos.

1997 – Reformas são realizadas, mas são insuficientes para a reabertura.

2004 – Convênio firmado entre GDF e União dá início a uma obra com previsão de conclusão em 2006. O cronograma, mais uma vez, não foi obedecido.

2008 – Em 17 de julho, tem início a reforma prevista para terminar em 10 meses.

2013 – Depois de várias paralisações, o GDF promete entregar o Planetário de Brasília para os brasilienses em junho.

Fonte: Secretaria de Ciência e Tecnologia do GDF

2 comentários sobre “Planetário de Brasília reaberto

    Anônimo disse:
    06/12/2013 às 15:38

    Outubro já foi, estamos em Dezembro e não tem previsão.

    Daniel disse:
    15/07/2013 às 16:13

    E ainda não abriu..Acabei de ligar no Setur e a previsão é para outubro…Triste..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s