As melhores coisas gratuitas para fazer na Cidade do Cabo

Camps Bay, Cidade do Cabo

por Simon Richmond, do Lonely Planet

Um rand (moeda sul-africana) relativamente fraco faz da Cidade do Cabo um destino mais acessível para visitar, e a cidade certamente proporciona relação qualidade-preço quando se trata de comida e acomodações. Mesmo assim, todo mundo gosta de alguma coisa de graça, e nesse aspecto a Cidade-Mãe transborda de opções.

Margem de V&A

Atraindo 24 milhões de visitantes por ano – mais que as pirâmides do Cairo – a sua brilhante mistura de comércio e entretenimento turístico, a Margem de V&A ainda é um porto ativo com a maior parte de sua estrutura intacta. Uma das melhores maneiras de dar uma olhada em seu passado, bem como de entender seu extenso local, é acompanhar o passeio histórico guiado; pegue um mapa gratuito do trajeto no centro de informações para visitantes da Dock Rd.

Ao longo do caminho, tire sua foto com Desmond Tutu e Nelson Mandela – gigantescas estátuas de ambos, desenhadas por Claudette Schreuders, ficam em Nobel Square ao lado das de outros dois ganhadores do Prêmio Nobel da África do Sul, Nkosi Albert Luthuli e FW de Klerk. Na Entrada Nelson Mandela, ponto de partida de balsas para Robben Island, há uma boa exibição gratuita sobre a luta pela liberdade e a vida na prisão que, hoje, é Patrimônio da Humanidade da Unesco.

O Market Square Ampitheatre é o foco da maioria dos entretenimentos gratuitos, incluindo artistas de rua e vários números de música e dança. Vídeos são mostrados numa tela gigante, e há shows ao vivo das 17h às 18h, aos sábados e domingos.

Caminhada nas montanhas

 

 Turista avista a Cidade do Cabo, do alto da Montanha da Mesa

O Parque Nacional Table Mountain  é um fantástico recurso natural, orgulho da Cidade-Mãe. Embora haja taxas para entrar em algumas partes do parque, como em Boulders (lar de uma colônia de pinguins-africanos) e a reserva natural do Cabo da Boa Esperança, não há cobrança para caminhar pelas inúmeras trilhas em Table Mountain (foto acima e abaixo), acima da Lion’s Head ou ao longo da Signal Hill.

Cidade do Cabo - Trilha de pedra na Montanha da Mesa

Nenhuma das rotas acima de Table Mountain é fácil, mas a rota Platteklip Gorge, de 3km de extensão e acessada pela Tafelberg Rd, pelo menos é direta. Ela é bastante íngreme, e pode contar que vai levar cerca de 2h30min para você chegar à estação superior de teleférico em ritmo constante. Atenção: a estrada fica exposta ao sol, então suba de manhã, tão cedo quanto possível, leve muita água e filtro solar e, de preferência, não faça a subida sozinho.

Cidade do Cabo - Silhueta de turistas e teleférico da Montanha da Mesa

Mesmo assim, não é preciso chegar ao topo da Table Mountain para conseguir vistas espetaculares. Uma caminhada curta atrás da estação inferior de teleférico vai trazê-lo ao Contour Path, fazendo um caminho bem plano a leste em torno do Devil’s Peak até King’s Blockhouse. O Pipe Track atravessa o lado oeste da montanha em direção aos Twelve Apostles [Doze Apóstolos] e proporciona vistas estonteantes da costa.

Belas praias

 

No Pipe Track, ao olhar para baixo, você vai espiar algumas das praias mais belas da Cidade do Cabo. Separada do bar e do restaurante por uma calçada guarnecida de palmeiras e grama, Camps Bay é uma maravilhosa extensão de areia macia. No entanto, pode ficar lotada, especialmente aos fins de semana, e fica exposta ao vento. O forte é o surfe e o oceano Atlântico é gelado; por isso, não é exatamente própria para nadar.

Mais resguardadas são as quatro praias de Clifton, divididas por rochas gigantes de granito. Clifton 3rd, a mais bonita e mais deserta do quarteto, isolada por casas de praia nas colinas, é popular entre os cabo-verdianos gays, assim como Sandy Bay, a praia de nudismo mais ao sul da costa Atlântica. Você não precisa, no entanto, ser gay ou nudista para aproveitar essas praias, e a última tem incríveis formações rochosas gigantes para explorar.

Famílias vão adorar as praias Muizenberg e St James, ambas repletas de chalés vitorianos de cores bem vivas. Localizadas no lado False Bay da Cidade do Cabo, ambas têm muito mais água quente do que o lado Atlântico. Considere também uma caminhada ao longo da abençoada Noordhoek Beach. No meio dessa praia de 5km, o casco enferrujado do navio a vapor Kakapo se destaca na areia como uma escultura bizarra. Ele encalhou aí em 1900, em sua viagem inaugural da Grã-Bretanha para a Austrália.

Arte de rua

Admirar a vibrante arte de rua que decora as laterais de muitos edifícios em District Six (abaixo, foto do museu que leva o nome do bairro) e Woodstock não custa nada. Uma pintura azulada de Nelson Mandela cobre um lado da subestação elétrica 13 na Canterbury St, enquanto no outro há um mural dedicado ao District Six. Ambas as imagens são obra de Mak1one (conhecido como Maxwell Southgate), que também decorou a fachada contrária do Charly’s Bakery, e cuja inconfundível arte de rua pode ser vista em diversos outros locais pela cidade.

Cidade do Cabo -Placas e fotos, Museu do Distrito 6

Outra artista de rua prolífica é Faith47Land & Liberty, sua imagem de uma mãe com um bebê atado às suas costas apontando para Lion’s Head, cobre a lateral de um edifício de oito andares em Keizersgracht. Na lateral de outro edifício visto de De Waal Drive fica a tela para o The Harvest, da artista. Essa orgulhosa africana segurando uma colheita de cana integra luzes eletrônicas que acendem quando uma doação é feita para o projeto #ANOTHER LIGHTUP, que financia luz para espaços públicos no município de Monwabisi Park.

Uma rede de ruas fora da Albert Rd, em volta do Woodstock Exchange, serve de tela para algumas artes de rua maravilhosas, muitas delas criadas durante um projeto colaborativo entre uma galeria de renome e o Adidas Originals, em 2011. Mais obras foram acrescentadas desde então, como Raised By Wolves, de Nardstar, e Freedom Day Mural, de Freddy Sam.

Jardins e parques

Passear pelos frondosos Company’s Gardens no coração do centro da cidade não custa nada. Lá você pode admirar várias cenas: árvores que datam de épocas da Companhia Holandesa das Índias Orientais, bonitos canteiros e uma variedade de estátuas, incluindo uma de bronze do político e magnata da mineração Cecil Rhodes.

Cidade do Cabo - Prédio comercial no Quarteirão do Mercado

Também no centro da cidade, o Prestwich Memorial Garden é repleto de uma coleção de esculturas peculiares e instalações de artistas cabo-verdianos; elas incluem o arco-íris It’s Beautiful Here, de Heath Nash, e Full Cycle Tre, de KEAG, sendo que a última foi feita de plástico reciclável.

Um legado ecológico da Copa do Mundo de 2010 é o Green Point Urban Park, que expõe a biodiversidade do Cabo e proporciona uma vista frontal do Estádio da Cidade do Cabo. E, da linda Oranjezicht City Farm de estrutura urbana nas encostas de Table Mountain, há vistas esplêndidas do porto de Table Bay.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s